quinta-feira, 12 de setembro de 2013

PORTO FRANCO
Assassinos de Keite Bastos foram condenados pelo júri. Penas são de 20 e 22 anos

Adriano Sousa Barros principal suspeito de ter matado em fevereiro de 2011 a ex-namorada Keite Bastos. Ele foi condenado a 20 anos de reclusão em regime inicialmente fechado. Outro envolvido no crime José de Arimatéia (o farinha) pegou pena de 22 anos de prisão.
O júri aconteceu nesta quarta-feira, 11 de setembro no salão nobre da Loja Maçônica Tiradentes em Porto Franco e foi presidido pelo Juiz Flávio Soares, mas, foi assistido pelo titular da vara criminal da comarca de Porto Franco Dr. Armindo Reis Neto.
Na época do crime Keite Bastos tinha 21 anos de idade e foi morta com golpes de faca no pescoço e teve parte da cabeça atingida por pedras. O crime aconteceu em fevereiro de 2011 em um bairro nobre da cidade de Porto Franco-Ma.
Foram presos o ex-namorado Adriano Barros e José de Arimatéia. De acordo com as provas colhidas pela Policia através de depoimentos e material encontrado no local do crime os dois foi quem mataram a jovem na madrugada doa dia 22 de fevereiro de 2011. O motivo do crime teria sido revolta porque Adriano o ex-namorado não aceitava o fim do relacionamento com Keite.

*Por Nardele Oliveira

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA SEU COMENTÁRIO OU ENVIE SUA RESPOSTA EM CASO DE DIREITO A RETRATAÇÃO.

IMPERATRIZ Duas pessoas morreram por causa da enchente em cidades da região Tocantina  As chuvas que caíram na região nos últimos di...