segunda-feira, 30 de junho de 2014

MARANHÃO-POLÍTICA
Roseana anuncia que vai abandonar a política partidária
A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), vai abandonar a política assim que deixar o Palácio dos Leões, em janeiro de 2015. O anúncio foi feito numa entrevista concedida há pouco por telefone ao jornalista Gerson Camaroti, do jornal O Globo.
Em seu discurso na convenção do PMDB, sexta-feira (27) na Universidade Federal do Maranhão, ela antecipou sua decisão ao corrigir uma informação do senador João Alberto (PMDB). Ele afirmou que Roseana poderia voltar a disputar as eleições em outras oportunidades, mas Roseana falou para os militantes que esta possibilidade estaria descartada.
Na semana passada, o senador e pai da governadora, José Sarney, anunciou sua retirada da vida política. Disse que não vai mais disputar as eleições. Roseana disse que não será mais candidata a nenhum cargo para cuidar de sua vida pessoal e familiar e, especialmente, de sua saúde. Esta decisão já havia sido previamente anunciada em abril, quando anunciou que não concorreria ao Senado Federal, como era previsto.
Na conversa com o jornalista, segundo disse Camaroti, Roseana teria dito que prefere sair agora para não perder sua biografia política. Ela foi eleita a primeira governadora do Brasil e desde 1986, quando foi eleita deputada estadual, sempre teve uma participação ativa na política nacional. A família Sarney serviu de sustentação a todos os governos no Palácio do Planalto, com exceção dos dois anos de administração do ex-presidente e agora senador Collor de Mello (AL).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA SEU COMENTÁRIO OU ENVIE SUA RESPOSTA EM CASO DE DIREITO A RETRATAÇÃO.

IMPERATRIZ Duas pessoas morreram por causa da enchente em cidades da região Tocantina  As chuvas que caíram na região nos últimos di...