quinta-feira, 26 de novembro de 2015

MA-RIBAMAR FIQUENE / PROTESTO
Servidores da educação fazem passeata e Prefeitura nega atraso em salários e considera greve ilegal
Em greve desde segunda-feira (23) servidores do município de Ribamar Fiquene-MA, fizeram passeata pelas ruas da cidade na manhã de quinta-feira (25). Os grevistas começaram o movimento na semana passada com paralisação de advertência durante três dias, eles cobravam regularização de salários que diziam está em atraso. A Prefeitura contestou as cobranças enviando nota a imprensa informado que todos os servidores estão com seus salários em dia principalmente os da área da educação que são os líderes do movimento. Na passeata que chegou a passar em frente ao prédio da Prefeitura, a classe mudou os rumos das reivindicações, conforme matéria postada no site imirante.com . Agora eles exigem melhores condições de trabalho com reforma urgentes nos prédios escolares e posto de saúde, além do cumprimento de um Acordo Coletivo de Trabalho aprovado pela Câmara de Vereadores. A Prefeitura informou que as aulas não fora interrompidas, e que os alunos estão fazendo avaliações nas escolas normalmente. No município a secretaria de educação é a única pasta que tem servidores em greve e fez um planejamento, no qual está suprida as ausências dos grevistas com os profissionais de educação que atuam nas coordenação e direção
Em nota a Prefeitura informou que apesar dos servidores em atividades terem sido pressionados para que fizessem adesão ao movimento, apenas uma parte dos docentes da educação está de braços cruzados, os demais setores estão com todos os servidores em atividades normalmente.
Da Redação
Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA SEU COMENTÁRIO OU ENVIE SUA RESPOSTA EM CASO DE DIREITO A RETRATAÇÃO.

ESTAMOS VOLTANDO