quinta-feira, 2 de maio de 2013


TRABALHANDO
Em Palmeiras do Tocantins, prefeitura apoia atividades rurais
A Secretaria Municipal de Agricultura em parceria com o SENAR estão oferecendo aos produtores rurais de Palmeiras do Tocantins, o Programa Negócio Certo Rural que tem como objetivo contribuir para a melhoria da gestão das atividades praticadas nas propriedades rurais e promover geração de renda, melhorando a qualidade de vida dos produtores e seus familiares, serão beneficiados 15 propriedades do Município.

Já Marilene, Médica Veterinária e Instrutora do Programa Negócio Certa Rural do SENAR, ressalta o quanto é importante os ensinamentos apresentado para facilitar o dia a dia do pequeno produtor e conseqüentemente alavancar a sua atividade produtiva.

“O Programa Negócio Certo Rural é importantíssimo porque capacita o produtor e a sua família para a gestão eficiente da propriedade. O pequeno e médio produtor passam a enxergar todos os aspectos de um empreendimento, descobrindo novas possibilidades para gerar renda e receita. Estamos formando empreendedores rurais. Sem dúvida alguma, esta parceria do SENAR e Secretaria de Agricultura é um casamento perfeito, pois une as melhores práticas da gestão com o nosso conhecimento das peculiaridades do campo e experiência do SENAR em educação”, ressalta o Secretário de Agricultura Clodoaldo Batista.


O Programa

Os produtores rurais participam de cinco etapas que os capacitam em como encontrar uma idéia de negócio, verificar sua viabilidade, formalizá-lo, organizá-lo e administrá-lo, além de promover o relacionamento com o mercado. A iniciativa funciona pelo método de consultoria realizada em propriedades, assentamentos e associações rurais por meio da parceria com a Secretaria de Agricultura do Município.

O curso é gratuito e ocorre presencialmente com um instrutor, sob a coordenação de um gestor, e está dividido em 05 encontros de 06 horas cada, que acontecem de 15 em 15 dias. O produtor rural que participa do Negócio Certo Rural recebe consultorias e formas inovadoras para expandir o seu negócio. No final de cada encontro, o participante preenche um formulário de avaliação e entrega ao instrutor. Esta avaliação é anônima e tem como objetivo continuar melhorando os processos deste curso.

Para ter direito ao certificado de conclusão, o participante deverá ter no mínimo 80% de presença e elaborar o plano de negócio. Após o término do curso, os alunos que abrirem efetivamente seus negócios terão mais quatro horas de consultoria. Os que fizerem melhorias no negócio já existente ganharão mais duas horas. Para participar o interessado deve procurar o Secretário de Agricultura, Clodoaldo Batista e solicitar o treinamento do Programa Negócio Certo, para mais informações para a realização do cadastro além das informações gerais sobre o projeto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA SEU COMENTÁRIO OU ENVIE SUA RESPOSTA EM CASO DE DIREITO A RETRATAÇÃO.

ESTAMOS VOLTANDO