quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

MARANHÃO-INSEGURANÇA
Segundo preso é encontrado morto no Complexo de Pedrinhas, no MA
A Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária do Maranhão (Sejap) confirmou, na tarde desta quinta-feira (2), a morte de Sildener Pinheiro Martins, de 19 anos, conhecido como 'Bolinha'. Este é o segundo detento encontrado morto no Complexo Penitenciário de Pedrinhas este ano.
Desta vez, a morte foi no bloco Alfa do Centro de Detenção Provisória (CDP), conhecido como Cadeião. O detento era da sala 6 e foi encontrado morto na sala 13.
As causas da morte ainda não foram confirmadas. Na madrugada desta quinta-feira, o preso Josivaldo Pinheiro Lindoso, de 35 anos, foi encontrado morto com sinais de estrangulamento na Cela 9, do Centro de Triagem de Pedrinhas, em São Luís.
Na última semana, ainda em dezembro de 2013, sete presos foram mortos em cadeias do Maranhão. Em todo o ano passado, de acordo com o relatório do Conselho Nacional de Justiça, entregue na última sexta-feira do ano (27), 60 detentos morreram nos presídios.
Em nota, Sejap afirmou que uma série de medidas está sendo desenvolvida para devolver a normalidade ao sistema prisional do estado e assegurar direitos e a integridade de seus usuários. Disse ainda que uma Comissão de Investigação acompanha os trabalhos nos presídios. Confira a nota na íntegra abaixo:
A Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) informa a morte do detento Sildener Pinheiro Martins, 19 anos, ocorrida na tarde desta quinta-feira (2), no Centro de Detenção Provisória (CDP) do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís. Ele foi morto a chuçadas em consequência de briga de membros da mesma facção criminosa. O crime já está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios.

Medidas

A Sejap reitera que uma série de medidas está sendo desenvolvida para devolver a normalidade ao sistema prisional do estado e para assegurar os direitos e a integridade de seus usuários. Uma Comissão de Investigação, instalada logo após as denúncias feitas  pelo Conselho
Nacional de Justiça (CNJ), está acompanhando todos os trabalhos nos presídios. A Diretoria de Segurança dos Presídios do Maranhão, criada por determinação da governadora Roseana Sarney, está atuando desde esta sexta-feira (27) reforçando a segurança interna nas unidades prisionais da Região Metropolitana de São Luís. Por meio do Programa Viva Maranhão, o governo está investindo na construção de novas unidades e no reaparelhamento do Sistema Penitenciário do estado. O Governo do Maranhão reafirma que continua agindo em conjunto com todos os setores e órgãos que atuam na defesa dos direitos humanos e daqueles que promovem a garantia da justiça e segurança.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA SEU COMENTÁRIO OU ENVIE SUA RESPOSTA EM CASO DE DIREITO A RETRATAÇÃO.

IMPERATRIZ Duas pessoas morreram por causa da enchente em cidades da região Tocantina  As chuvas que caíram na região nos últimos di...