sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

TOCANTINS-PERÍODO CHUVOSO

Em Aguiarnópolis ruas e estradas ficam interditadas com queda de árvores por causa da chuva
Um levantamento feito pelo Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) mostra que dezembro de 2013 bateu o recorde de quantidade de chuva em Palmas. O índice foi duas vezes maior que o mesmo período de 2012, sendo o maior dos últimos cinco anos. Casa inundadas, ruas e avenidas alagadas foi o cenário vivido pelos moradores.
A capital registrou 510 mm no último mês de dezembro, contra 225 mm durante o mesmo período de 2012. Se comparado aos últimos cinco anos, 2013 continua sendo o maior seguido pelo ano de 2009, quando o índice foi de 318,91 mm no mesmo período.
No interior do estado 2014 já começou registrando chuva e ventos fortes em algumas regiões. Na noite da última quinta-feira em Aguiarnópolis choveu e ventos derrubaram árvores interditando ruas, estradas e destruiu parcialmente o teto de um posto de combustível. O transito nas Rodovias Belém-Brasilia e Transamazônica ficou interditado por algumas horas, mas, logo foi liberado. Em algumas ruas onde também caíram árvores, passagem de veículos e pessoas ficou prejudicada. Ninguém se feriu, mas, a população ficou assustada com a violência dos ventos.

Na noite de sexta-feira (3) voltou a chover na região, trovão e ventos moderados deixaram a população de Tocantinópolis em alerta. Com as chuvas, riachos da região aumentam o nível da água e fazem aumentar o volume do Rio Tocantins na parte que fica abaixo da barragem de Estreito que controla a vazão do volume de água acumulado no reservatório. As estradas que não são pavimentadas na região também são impactadas pela ação da chuva em alguns locais o tráfico de veículos fica prejudicado nesse período. Em algumas cidades onde as ruas não têm calçamento ou pavimentação a situação também se complica nessa época do ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

FAÇA SEU COMENTÁRIO OU ENVIE SUA RESPOSTA EM CASO DE DIREITO A RETRATAÇÃO.

IMPERATRIZ Duas pessoas morreram por causa da enchente em cidades da região Tocantina  As chuvas que caíram na região nos últimos di...